Guia Cultural do Vale do Café

  • A+
  • A-
Espaços Culurais & Expressões Artíticas

Região 2 • Pinheiral

CENTRO DE REFERÊNCIA DO ESTUDO AFRO DO SUL FLUMINENSE – CREASF

Um espaço dedicado à preservação dos costumes e tradições afro-brasileiras

A ONG, também conhecida como Casa do Jongo, é responsável pela preservação do Jongo de Pinheiral, que se destaca pela originalidade e beleza de seus pontos cantados. Tudo começou pouco antes dos anos 1980, quando se deram conta de que os jongueiros mais velhos estavam morrendo.

E para perpetuar essa rica cultura passada através das gerações, resolveram assumir um grupo, criando a União Jongueira, que atua há mais de 30 anos na região. Eles são descendentes de escravos da fazenda São José do Pinheiro, que pertenceu ao comendador José de Souza Breves.

Em 2005, o mesmo ano em que o jongo foi tombado como patrimônio imaterial da cultura brasileira, inauguraram a sede do Ponto de Cultura, através de um projeto em parceria com o Ministério da Cultura. Hoje o grupo tem cerca de 54 integrantes, de 11 a 80 anos, e é liderado pela Griô Maria de Fátima da Silveira Santos, conhecida como Fatinha.

O Creasf recebe frequentes visitas de grupos escolares, universitários e turistas nacionais e estrangeiros, através de agendamento prévio.

Ele também se apresenta em outros municípios, com o apoio de instituições que arcam com as despesas de transporte, alimentação, hospedagem e simbólico cachê para o grupo.
As oficinas oferecidas são: jongo, percussão e violão. Há também o estudo da cultura negra, que conta com uma biblioteca afro com muitos exemplares sobre o tema, incluindo a culinária afro e o registro de toda a trajetória do grupo.

Através do edital de interações estéticas do Ministério da Cultura e Funart, o grupo desenvolve diversos e encantadores projetos, com a parceria de artistas que ilustram e produzem as ideias e histórias que serão contadas em suas palestras e apresentações, resultando em ricas peças artesanais de rara beleza.
O grupo hoje é muito requisitado tanto para compartilhar seus saberes e fazeres, como aconteceu com a visita dos integrantes de uma ONG oriunda da Comunidade da Rocinha, no Rio de Janeiro, quanto para fazer apresentações e palestras em grandes eventos consagrados, representando a cultura popular do Estado do Rio de Janeiro.

Agendar visitas (visitas no sábado)
Gratuito
Carro • Ônibus

Informações

Rua Bulhões de Carvalho, 146 – Pinheiral
(24) 3356-3559 / (24) 9221-7212 (Fatinha)
Facebook: Jongo do Pinheiral
mailto:creasfjongopinheiral@ig.com.br

Quer ver mais conteúdos exclusivos? Baixe o aplicativo no seu tablet!

Vai para o topo