Guia Cultural do Vale do Café

  • A+
  • A-
Espaços Culurais & Expressões Artíticas

Região 4 • Valença

CASA D’ARTE

Arte barroca em papel não deixa a desejar para materiais nobres como a prata

Em seu ateliê, o artista plástico autodidata Mário Luiz cria esculturas exclusivas em que o papel é a principal matéria prima.
O escultor iniciou sua carreira moldando personagens populares como o seresteiro e o caipirinha, que encantaram os turistas.
Entretanto, há 15 anos vem se dedicando à arte sacra, se especializando na criação de santos barrocos e demais figuras religiosas.
Simples, cativante e bem humorado, ele diz que aprendeu a técnica na “faculdade celestial”. Mário Luiz considera uma missão esculpir o barroco no papel. Ele conta que costuma trabalhar escutando música clássica e canto gregoriano.
Cada peça é única e tem a base feita em papel kraft. Já os pés, mãos e rostos são construídos em gesso. Mário Luiz explica que as peças, especialmente os mantos dos santos, devem ser moldados com rapidez, antes da secagem do material.
O trabalho fica tão perfeito que a coroa de uma santa já foi confundida com prata. A técnica tem a vantagem de ser menos onerosa e mais leve do que as esculturas em materiais mais nobres, e ainda assim são dotadas do mesmo vigor e expressão característicos dos santos barrocos dos séculos XVII, XVIII e XIX.
Mário Luiz tem o apoio do SEBRAE, que divulga seu trabalho por todo o Brasil e também já projetou seu talento em inúmeras exposições no exterior.

10h às 18h fim de semana • agendar visitas
Vários preços
A pé • Carro • Ônibus

Informações

Rua Pedro Gomes, 26 - Conservatória - Valença
(24) 9715-6257
mailto:casa.darte.conservat@hotmail.com

Quer ver mais conteúdos exclusivos? Baixe o aplicativo no seu tablet!

Vai para o topo